Pages

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Antigamente TIM...


“Ou a TIM investe e melhora o serviço,ou vamos proibir a venda de novos planos. Vamos ter de assinar um termo de compromisso com a companhia, na Agência Nacional de Telecomunicações - Anatel.”  (Paulo Bernardo, Ministro das Comunicações)
Como Gabriela consegue sinal da TIM

Cassação de Maria do Carmo é início de campanha

No Blog Manoel Dutra:
Parece mesmo que quem deu partida à campanha eleitoral em Santarém foi o Tribunal Regional Eleitoral, o TRE. A questão que dá sustentação a este ponto de vista é: por que um processo que rola desde 2008 levou quatro anos engavetado, para ser julgado exatamente neste momento? E mais, um julgamento que ocorre imediatamente após as convenções partidárias e o início efetivo da campanha.

Maria e Lula: alvo federal e alvo local
(analisedeconjuntura.blogspot.com)

Isso faz lembrar o agendamento do “mensalão” do PT, no STF, justamente no período eleitoral. Os demais mensalões do DEM e do PSDB não estão em pauta.

No caso da prefeita de Santarém, essa condenação que não a impede de continuar no cargo e que ainda depende de decisão de instância superior, e o agendamento do “mensalão” petista, dão a quase inequívoca impressão de funcionar com um apelo propagandístico em favor das forças de direita ou contrárias às políticas sociais que, bem ou mal, vêm sendo implementadas pelo governo de Maria, no nível local, e por outra mulher, a Dilma, no âmbito nacional.

Míngua
O judiciário paraense deu de bandeja e de propósito um argumento a uma oposição que, caso vença, fará um governo desastroso, apoiado por um governo estadual sem dinheiro, comandado pelo mesmo grupo que vendeu a Celpa e mantém o município de Santarém e a região Oeste à míngua, ressentido pela campanha localmente vitoriosa do Plebiscito, onde mais de 95% dos eleitores disseram "não" a Jatene. E também com o apoio de forças políticas sem penetração nos altos escalões das verbas federais, cujo representante, o deputado Lira Maia, virá a ser, caso vença o PSDB, o mentor do prefeito tucano.
Mesmo que, na prática da administração isso pouco interfira, no aspecto político pode ser devastador, pois na campanha os adversários de Maria e de seus candidatos, o PSDB de Alexandre Von e demais “oposicionistas” já têm em mãos algo concreto a “denunciar”: a prefeita foi cassada por “crime” eleitoral.
Depois, o judiciário reclama que está sendo alvo de ataques e que isso “compromete a democracia”. O que compromete a democracia é a demora proposital no encaminhamento de processos, ou a protelação no seu encaminhamento normal, para retirá-los da gaveta no momento em que isso interessa às forças reacionárias e antipopulares.
Separatismo
Além do mais, Maria do Carmo pode estar sendo castigada em decorrência de sua decidida participação na campanha do Plebiscito para criação do Estado do Tapajós. O mesmo nem de longe se pode dizer do candidato Alexandre Von, do PSDB, que se manteve omisso durante a campanha, só aparecendo ao lado dos separatistas à undécima hora.
...................
Agora leia este pequeno trecho de pesquisa jornalística publicada no blog Perereca da Vizinha, a respeito da proximidade, ou da promiscuidade de membros do judiciário paraense com o PSDB de Simão Jatene, o governador.
“...As desembargadoras Vera Araújo de Souza e Maria de Nazaré da Silva Gouveia dos Santos, corregedora do Interior do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, também possuiriam parentes empregados na Assessoria Especial do governador do Pará, Simão Jatene, do PSDB.
Com isso, já são oito os desembargadores paraenses da ativa que teriam parentes diretos na Assessoria do governador.
Além de Vera Araújo e Maria de Nazaré, a lista inclui os desembargadores João José da Silva Maroja, Ricardo Nunes (presidente do Tribunal Regional Eleitoral-TRE), Romulo Nunes (ex-presidente do TJE), Constantino Guerreiro, Vânia Lúcia Silveira Azevedo e Silva e Cláudio Montalvão das Neves.
Mas há indícios de que também a desembargadora aposentada Sônia Parente possuiria um familiar na assessoria de Jatene.
Os oito desembargadores da ativa representam mais de 20% do Desembargo do Estado do Pará, que possui 30 integrantes”.

Brincando, brincando, Belém de fora. Mas, quem liga?


Governo debate viabilidade da Ferrovia Norte-Sul ligando Porto Velho
Porto Velho foi avaliada como ponto crucial numa junção com toda a América Latina num trecho de 598 quilômetros
A viabilidade social e econômica da Ferrovia Norte- Sul (FNS), que vai ligar o município de Lucas do Rio Verde (MT), passando por Vilhena a Porto Velho, foi tema de debate na tarde de terça-feira (10), no Palácio Presidente Vargas, do qual participaram o governador Confúcio Moura e o consultor do Estado para assuntos de desenvolvimento e ex-ministro de Assuntos Estratégicos do Brasil, (SAE) Roberto Mangabeira Unger, além de diversos outros secretários.


Porto Velho foi avaliada como ponto crucial numa junção com toda a América Latina. No projeto original, a FNS interliga o município de Lucas do Rio Verde a Vilhena, num trecho de 598 quilômetros, e cujas obras devem iniciar em 2013, com a conclusão prevista para o final de 2017, com investimento previsto em R$ 4,1 bilhões.


Com a proposta da extensão até Porto Velho, a capital rondoniense se transformaria em acesso ‘intermodal’ ou, seja atuaria com mais de uma atividade, deixando para trás o cenário de difícil acesso perante os outros estados brasileiros. De acordo com o secretário do Porto de Porto Velho (SOPH), Ricardo Sá, “a inclusão beneficiaria Rondônia diretamente na economia com o preço do frete, que atualmente é de R$ 120 a tonelada por quilômetro”, enfatiza


Pelo menos mais quatro Estados que compõem o eixo Norte e Centro Oeste, dentre os quais o vizinho Acre, que almeja a ligação da Ferrovia Norte-Sul com suas divisas se beneficiarão, caso ocorra a interligação com Porto Velho. Para essa nova etapa da FNS seriam precisos investimentos da ordem de aproximadamente R$ 200 milhões, R$ 80 milhões somente com os estudos, segundo o secretário de Planejamento (Seplan) George Braga.

Além disso, “são necessários levantamentos que destaquem o anseio de Rondônia para a mudança do eixo até Porto Velho, dentre eles, está o mapeamento da viabilidade econômica, ambiental e executivo da ferrovia”, disse o governador, Confúcio Moura.

Para Mangabeira Unger “o mais importante da ferrovia é seu custo benefício”, informa. Outro que também apoia a vinda da obra para Porto Velho é o secretário da SOPH, Ricardo Sá. “Rondônia é hoje a terceira via fluvial mais movimentada em termo de transporte no Brasil”.

Um documento solicitando a mudança do eixo da Ferrovia Norte-Sul como ponto intermodal ligando Porto Velho será elaborado pelo governo do Estado e entregue pessoalmente a presidente, Dilma Rousseff, durante encontro das Nações Unidas. “Atualmente, Dilma Rousseff está engajada em áreas com grandes projetos, como este no caso, prioridade de seu governo”, comenta Unger

Ficou definido no encontro que a bancada de Rondônia, além das federações interessadas serão incluídas na discussão do processo de viabilidade da Ferrovia Norte- Sul a Porto Velho.

Ferrovia Norte-Sul trecho Campinorte a Vilhena

A construção de 1.638 quilômetros de ferrovia entre Campinorte (GO) e Vilhena está entre as metas do governo federal, para os próximos quatro anos. Trata-se da Ferrovia de Integração Centro-Oeste, cujo projeto será executado, com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento, (PAC) pela Valec Engenharia, Construções e Ferrovias, empresa pública, vinculada ao Ministério dos Transportes. O projeto da ferrovia, que será executado em duas etapas e terá investimentos de R$ 6,4 bilhões, contemplará uma das regiões do país mais prósperas na produção de grãos e carne, porém bastante carente no que se refere à logística de transporte.

O trecho a ser construído na primeira etapa sairá de Campinorte, cruzará o estado de Mato Grosso no sentido leste-oeste e chegará até Lucas do Rio Verde (MT). Entre Campinorte e Lucas do Rio Verde a ferrovia terá a extensão de 1.040 quilômetros. Até o ano de sua conclusão (2014), a previsão é de investir R$ 4,1 bilhões. Já para o trecho entre Lucas do Rio Verde e Vilhena (com 598 quilômetros), a ser construído na segunda etapa, deve ser investido o total de R$ 2,3 bilhões.

A Ferrovia de Integração Centro-Oeste é a primeira parte de um projeto gigantesco, a Ferrovia Transcontinental (EF-354). No Plano Nacional de Viação, a EF-354 é planejada com 4.400 quilômetros de extensão. Ela segue de Uruaçu (GO) para o sudeste, passando pelo Distrito Federal, Minas Gerais até o litoral fluminense. Para o oeste, o plano indica a passagem por Água Boa, Canarana e Lucas do Rio Verde, no Mato Grasso, seguindo na direção de Vilhena e Porto Velho e, de lá, entra pelo Acre até a divisa fronteira com o Peru, na localidade de Boqueirão da Esperança.

Por se conectar com a Norte-Sul, a ferrovia de Integração Centro-Oeste dará novo impulso para o desenvolvimento dos estados de Mato Grosso, Rondônia e o sul dos estados do Pará e Amazonas, principalmente com a produção de grãos, açúcar, álcool e carne. Com a redução dos custos no transporte de cargas, com acesso mais rápido a vários portos, a região deve atrair grandes projetos e investimentos da iniciativa privada e, por conseguinte, gerar empregos, renda e melhoria da qualidade de vida para os habitantes.

A reunião contou com a presença do presidente da Fundação Rondônia de Ciência e Tecnologia, Alberto Lourenço, do secretário de Estado do Planejamento, George Braga, da Secretaria de Estado das Finanças (Sefin) Benedito Alves, da secretária de Assuntos Estratégicos (SAE) Cira Moura, do secretário de Estado do Desenvolvimento (Sedes) Edison Vicente,

quinta-feira, 12 de julho de 2012

Mas, só no final do mandato!?

No Parsifal Pontes:

TRE-PA cassa o mandato da prefeita de Santarém, Maria do Carmo (PT)

Shot013
O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) cassou hoje (12), por unanimidade, o mandato da prefeita de Santarém, Maria do Carmo Martins (PT) e do seu vice José Antônio Rocha (PMDB).
Os motivos da cassação foram abuso de poder político e compra de votos na eleição de 2008, quando Maria do Carmo se reelegeu prefeita de Santarém.
> Prefeita permanece no cargo até trânsito em julgado
O TRE-PA decidiu que a prefeita permanece no cargo até o trânsito em julgado do processo, pois cabe recurso ao TSE.
Devido ao processo eleitoral de 2012, dificilmente o TSE apreciará o recurso esse ano, portanto Maria do Carmo e seu vice deverão permanecer no cargo até final dos mandatos (janeiro de 2013).
> Inelegível por 8 anos
À luz da lei da "Ficha Limpa" Maria do Carmo e José Antônio Rocha, por terem tido sentença condenatória em processo de abuso de poder político, em um colegiado (TRE), estão inelegíveis por 8 anos. A inelegibilidade poderá cessar se, no recurso, for desconstituída a decisão do TRE.
A inelegibilidade poderá ser suspensa caso seja requerida, em procedimento específico, uma tutela antecipada e essa seja concedida.

Tião achou o caminho para imóveis a preço de banana


Detalhes do Registro de Candidatura - Prefeito
Situação do Registro
[Sobre a Situação do Registro]
CADASTRADO
(Aguardando julgamento)

Nome para urna eletrônica:TIAO MIRANDANúmero:14
Nome completo:SEBASTIAO MIRANDA FILHOSexo:Masculino
Data de nascimento:02/04/1957Estado civil:Divorciado(a)
Nacionalidade:Brasileira nataNaturalidade:MARABA / PA
Grau de instrução:Superior completoOcupação:Empresário
Endereço do site do candidato:

Partido:Partido Trabalhista Brasileiro -  PTB - (14)
Coligação:TRABALHO E COMPROMISSO POR MARABA
Composição da coligação:PRB / PTB / PRTB / PSB / PSDB / PSD / PC do B
Cargo a que concorre:Prefeito - (MARABÁ)
No. processo/protocolo:180-31.2012.6.14.0023 / 418572012
CNPJ de campanha:15.951.137/0001-07
Limite de gastos de campanha:   Sobre limite de gastos de campanha3.000.000,00
Visualizar dados da(s) eleição(ões) de:2010  
Visualizar dados do vice     Visualizar proposta de governo
Gerar PDF   Fechar

Dados fornecidos pelo candidato no processo de registro de candidaturas.  Outras informações, entrar em contato com o cartório eleitoral do município.
Seq.Descrição do bemTipo do bemValor do bem (R$)
Total: 1.344.013,07
1UM APARTAMENTO NO 30 PAV. EDIFICIO PORTAL LOCALIZADO NA FOLHA 26 QUADRA 06 LT S 22 E 22E - NOVA MARABA N/ 302Apartamento18.617,58
2UM APARTAMENTO NO EDIFICIO PORTAL LOCALIZADO NA FOLHA 26 QUADRA 06 LOTE S 22 E 22E NO MUNICIPIO DE MARABA 301Apartamento18.161,39
3UM IMOVEL RESIDENCIA SITUADO A RUA DAS CASTANHEIRAS N 1066 QUADRA 09 LOTE 22 - NOVO HORIZONTE MARABA PARACasa11.000,00
4DOIS TERRENOS N° 13 E 14 NA QUADRA 10, FOLHA CSII 31 - NOVA MARABA - MARABA PARATerreno4.398,00
5EDIFICAÇÕES NOS LOTES S 13 E 14 DA QUADRA 10 FOLHA CSII 31 - NOVA MARABA - MARABA PARÁConstrução53.100,00
606 LOTES DENOMINADO TERRENO URBANO, LOCALIZADO A FOLHA 32 NOVA MARABA - MARABA -PA A SABER LOTE 16, NA QUADRA 05; LOTES 01, 01 ESPECIAL, 02,03 E 05 DA QUADRA 09,Terreno60.000,00
7SALDO CONTA CORRENTE BANCO DO BRASIL - MARABADepósito bancário em conta corrente no País29.784,31
8LOTES 13 E 15, SITUADO NO LOTEAMENTO BELO HORIZONTE, QUADRA 129, SUPER QUADRA 36 -MARABÁ PATerreno5.000,00
9POUPANÇA OURO - B. BRASIL S/A.Caderneta de poupança1.376,63
10VEICULO MITSUBISHI PAJERO SPORT 4X4 HIPE 2.5 D, 2008/2008, PLACA: JVV-8333Veículo automotor terrestre: caminhão, automóvel, moto, etc.125.000,00
11TERRENO URBANO LOTE F-08, QD 09 FOLHA 32 - NOVA MARABA / MARABA - PATerreno11.350,00
12HONDA CIVIC LXS FLEX; 2009, PLACA NSG-1336Veículo automotor terrestre: caminhão, automóvel, moto, etc.70.000,00
13APARTAMENTO 804 DO EDIFICIO PRIVILEGE RESIDENCE - BELEM/PAApartamento210.000,00
14UMA VAGA DE GARAGEM N° 65 PAVIMENTO SUBSOLO 01 DO EDIFICIO PRIVILEGE RESIDENCE BELEM/PAOutros fundos20.000,00
15DISPONIBILIDADE FINANCEIRAOutros fundos215.000,00
16TERRENO URBANO COM 450M² - FOLHA 32 QD 09 LOTE 10 - NOVA MARABATerreno11.000,00
17TERRENO URBANO COM 300M² - FOLHA 32 QD 09 LOTE 11 NOVA MARABATerreno8.000,00
18TERRENO URBANO COM 705M² - FOLHA 32 QD 09 LT F 09 - NOVA MARABATerreno35.250,00
19TERRENO URBANO COM 450M² FOLHA 32 QD 09 LOTE E 04Terreno22.500,00
20TERRENO URBANO C/ 150 M² FOLHA 32 QD 09 LOTE 12-A NOVA MARABATerreno8.000,00
2106 LOTES DENOMINADO TERRENO URBANO LOCALIZADO A FOLHA 30 NOVA MARABA A SABER: LOTE 30; 30-A; 31; 31-A; 32 E 32-A, TODOS NA QUADRA 01, C/ METRAGEM INDIVIDUAL DE 300M²,+ BENFEITORIAS REALIZADAS EM 2004Terreno33.888,00
2201 TERRENO URBANO COM 371 M², LOCALIZADO NA FOLHA CSII-31 QUADRA 09, LOTE 17-BB - NOVA MARABA E BENFEITORIASTerreno23.456,86
23LOTES 01 A 32, SITUADO NO LOTEAMENTO BELO HORIZONTE, QUADRA 111, SUPER QUADRA 31 - MARABA - PA E BENFEITORIASTerreno112.456,70
24SALDO CONTA CORRENTE BANPARÁDepósito bancário em conta corrente no País41.673,60
25TERRENO URBANO COM 690M² FOLHA 32 QD 09 LOTE F 06 NOVA MARABATerreno22.500,00
26SALA COMERCIAL N° 703 C/ 33,34 M² E GARAGEM - FOLHA 26 QD 14, LOTE 01, ED AMAZON CENTER - NOVA MARABAOutros bens imóveis50.000,00
27TERRENO RURAL C/ 25 HA - CHACARA SAO SEBASTIAO - LOTE 110 MARABÁ/PATerreno100.000,00
28TERRENO URBANO COM 390M² FOLHA 32 QUADRA 09 LOTE E-12 NOVA MARABATerreno22.500,00
28 bem(ns) encontrado(s).