Pages

domingo, 26 de dezembro de 2010

Asdrúbal vai pescar

Deputado federal Asdrúbal Bentes vai assumir a Secretaria da Pesca no governo Jatene, por exigência do ex-isso-e-ex-aquiloutro Jader Barbalho. A informação é de anônimo postada no blog do deputado estadual Parsifal Pontes.


Eu não sei se Asdrúbal sabe (ou gosta de, como Jatene) pescar e assim fazer companhia ao novo governador. Mas, se é verdade que ele vai trocar Brasília por pescarias no Xingu, trata-se de final melancólico para o parlamentar mais votado de Marabá.
Com amigos, entre os quais provavelmente  Jatene (à esquerda, de costas)
 Asdrúbal comenta a fartura da sua última pescaria, parte dela ainda assando na brasa




6 comentários:

Dr. Valdinar Monteiro de Souza disse...

Ademir, mano velho...

Sei não, mas, em se concretizando tal mudança, a coisa estará muito mais para final bucólico do que melancólico, embora, inquestionavelmente, não haja para o Pará e região vantagem alguma. Coisas horríveis da política com “p” minúsculo. Bom, eu penso assim. Se haverá alguma vantagem para nosso Estado região com essa mudança, pelo menos eu não consigo ver ainda. E tu, como vês isso, mano velho? Dize aí, para nós!

De qualquer sorte, registro aqui o meu respeito ao deputado Asdrúbal Bentes, também nosso colega advogado, e deixo-lhe abraço especial.

Quaradouro disse...

Na campanha passada, Asdrúbal deixou de concorrer à prefeitura de Marabá para reeleger-se à Câmara dos Deputados, o que conseguiu.
Submeter-se agora, por amizade ou sujeição partidária, a Jader Barbalho ou ao PMDB, é tair a confiança dos mais de 50 mil eleitores que o sufragaram para o Parlamento.
E mais: é um prejuízo para Marabá e região. Porque, independentemente da (falta de) qualidade dos prefeitos locais e regionais, Asdrúbal tem sido eficiente em assinalar e trazer recursos para o sudeste do Pará.
Ele precisa refletir muito sobre isso: continuar a servir a região, ou ir pescar com um governador que deixou o sul do Pará à mingua de recursos, estradas e escolas.

José Coruja da Silva disse...

Prejuízo mesmo, porque o suplente dele é o ex-senador Luiz Otávio "Pepeca" Campos, reconhecidamente incompetente e sem atuação alguma no Congresso Nacional.
Triste Pará!
Triste Marabá!

Anônimo disse...

Os eleitores que depositaram quase 60 mil votos para Asdrubal, estão de parabéns.

Anônimo disse...

Bom para o Governo da Pescaria que se inicia dia primeiro!

Haja peixeee... ( é bom que avise a eles que estamos na Piracema!!)

Anônimo disse...

Do ponto de vista de quem usa a máquina para fins eleitoreiro, Asdrubal foi o maior beneficiado.

È só ver os resultados das eleições: Chico da Pesca e Miriquinho os mais votados do PT, usaram essa secretaria para fins eleitoreiro e se deram bem!!!!