Pages

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Políticos

Do jornalista Lúcio Flávio Pinto

“Uma diferença substancial responde pela queda no nível e no grau de representação dos parlamentos no Brasil, em particular no Pará: ao invés de serem intermediários ou intérpretes da sociedade, os políticos usam seus cargos na defesa dos seus interesses ou dos esquemas e grupos a eles associados.” 


8 comentários:

João Dias disse...

Os cargos políticos, majoritariamente exercidos e ocupados desde as oligarquias coronelistas; uma sociedade dividida em classes, em que prevalece o império do poder econômico e do capital globalizado, deixa evidente que os agentes políticos representam, de fato, os interesses da elite dominante e da classe capitalista.

Não nos causa estranhesa a dramaticidade do nosso povo retratada nas páginas dos jornais e publicadas nas mídias sociais.

A decepção, indignação e revolta da população com as instituições políticas resulta, em primeiro lugar, do compromisso do candidato que escolhemos para nos representar, governar; em segundo, da participação efetiva da sociedade, mobilização do cidadão e das organizações de classes, na insistente e reiterada cobrança para que os desvios de conduta ética, improbidade administrativa e outros ilícitos praticados no exercício da atividade administrativa, sejam apurados, punidos quando for o caso e, principalmente divulgados para conhecimento da sociedade.

Blogue Marabá 2012 disse...

Esse perfil aí é o que os partidos buscam. Se for o oposto desse perfil, sem chances... Não pisa nem no batente da porta de entrada.

Talvez, e sem arriscar um pelo da sobrancelha ou dos cílios (pestana para os das antigas), haja exceção no PSOL e no PCB.

___________
Adir Castro

Wendel LIma Bezerra disse...

Caros colegas,

Sou filiado ao PSOL e vejo que o partido vai lutar até as últimas consequências para se manter distante de qualquer escandalo político, principalmente em relação a corrupção.
Não acredito em partidos salvadores da pátria, como alguns se intitulam. Mas acredito que a linha de trabalho tomada pelo PSOL é vital para manuntenção de um partido de opção à sociedade.

Somos um partido de trabalhadores e estudantes que decidiram lutar por um instrumento político que pudesse concretizar a luta da classe trabalhadora neste país.

Ficamos muito triste com a descrença da sociedade na política, pois isso nos leva a ter medo de entrar na luta por uma cidade sem corrupção. Quando todos os políticos são colocados no mesmo "balde" e rotulados de corruptos.
Só pra se ter uma ideia do problema que enfrentamos: O povo já condenou Maurino Magalhães e toda a sua gestão, mas o que se percebe na sociedade é o desejo pela volta do ex-prefeito Tião Miranda. Isso significa que o povo também já absorveu o Tião por todos os seus crimes?! O mesmo pode ser condenado a qualquer momento pelo delito de Improbidade administrativa; saiu da Prefeitura como um dos homens mais ricos do Brasil e agora está sendo considerado como um excelente Prefeito.
Isso é indignação com a política?
Vamos refletir caros colegas!

Em 2012, nós temos uma opção!

Wendel Lima Bezerra
Coordenador Geral do SINTEPP

Anônimo disse...

Wendel bezerra,
eu sou do PSOL:é como se tivesse dizendo eu sou honesto.
Mas camarada Wendel,vc também tem muita historia que não está bem explicada.
O que vc vem fazendo durante todos esses anos com o dinheiro do sindicato? e olha que não é pouco, o sintepp deve ta recebendo uns 30.000 mensal.
Eu nunca vir uma prestação de conta do sintepp.
Tal como o Tião Miranda, vc também deve está muito bem de vida, quem é o professor que pode andar de hilux novinha, com combustível pago pelo sindicato, sem custo nenhum para seu bolso.
sem contar as benesis que vem recebendo por apoiar o governo maurino.
No final do seu mandato ,como o ex prefeito, você termine como um dos professores mais ricos do estado.
Qual professor recebe 30.000 por mês?

Anônimo disse...

sR. Wendel/Sintepp, oportuna e esclarecedora sua colocação. Quanto às contas do ex-prefeito Tião, está com a palavra o TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) em Belém, donde, acho, tão cedo, não teremos posição à respeito, haja visto a aliança entre o Governador Jatene (PSDB) e Tião. A sociedade, como quer fazer crer V.Sa., não deseja - pelo menos os mais esclarecidos - a volta de Tião. Há opções, concordo, e, uma das poucas, é o médico e ambientalista Jorge Bichara (PV).É o que penso. Em 01.07.11, Marabá-PA.

Anônimo disse...

Amigo cita um crime do Tião?
Logo tu professor, que timha qutro salario no fim de ano, cade o sintep? suaram tanto pra ganhar o sindicato, ganharam e esqueceram as propopsta de campanha,e foram brigar pela tezouraria do mesmo, cade o Dionizio? ou o Ex. presidiario, o seu psol hoje, é um PT. na forma pra MANHAM. FUIIIIIII.

Anônimo disse...

O jogo de sena do sindicato.
Porque o sindicato não toma uma atitude em relação ao constrangimento constante que os servidores vem passando quando vão se consultar pela UNIMED e é negado, pois a mesma alega que a prefeitura não pagou.Mas o desconto do servidor vem sendo feito todo mes.
Eu ainda não vir uma ação do sindicato e não me venha dizer que é preciso ir ao sintepp fazer a denuncia.
Ou será que o comprometimento do sindicato com a semed lhe impede de defender o servidor.

Anônimo disse...

Wendel'
É normal o prefeito selecionar servidores para pagar as ferias?
Se o sindicato não sabe, muitos servidores da educação que deveriam receber ferias agora no mes de julho,mas para nossa surpresa,não recebemos.
Quero saber qual a ação do sindicato ou vão se calar mais uma vez?