Pages

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

O Aguialinha se lascou de novo...
... e o Galvão Burro insiste em ficar


O Aguialinha escapou fedendo no Zinho Oliveira, virando para 4 a 3 uma vitória inesperada do Cametá Mapará, que também está uma merda.
Mas não escapou do Paysandu e tomou uma goleada: 5 a 2.
E o Galvão Burro ainda disse que o Paysandu “deu sorte”!!!
Agora o Galvão Burro diz que vai  fazer tudo para não perder do Brasiliense, próximo jogo, agora valendo pela Terceirona.
Eu vou torcer para que o Águialinha tome outra goleada que assim, quem sabe, o Galvão Burro volte para sua casa ou vá... pra onde bem entender.    

6 comentários:

Pedro Gomes disse...

Me dói ver o Águia ser humilhado dentro e fora de campo.
Mas, se este for o preço para que o Galvão deixe (enfim) o comando do time, então, que assim seja.

Quaradouro disse...

É incompreensível, seu Pedro, como todo mundo pede a saída dele e ele não sai.
Daí para as ilações mais espantosas é um passo. Ainda mais por causa da complicação em que Ferreirinha se meteu, conforme o inquérito da Polícia Federal.
As vicissitudes do Águia nos afetam a todos, torcedores ou não. Afinal, o time leva o nome de Marabá.

Anônimo disse...

O problema do Águia é falta de estádio. Mas isso já está sendo providenciado. Então o Águia poderá fazer eventos no estádio, tipo shows e bingos, para arrecadar dinheiro e enfim poder contratar gente de peso, não estou falando do Ronaldo Fenômeno. Desse dia em diante os clubes paraenses tremerão diante do imbatível Águia.

E essas derrotas - apenas um detalhe como dizia o Filósofo Parreira - cairão no esquecimento da torcida, dos contra, dos prós. Galvão será premiado ano após ano com algum título de honra ou qualquer coisa parecida. Na hora a gente dá um jeito de arrumar um título.

Enfim, todos felizes para sempre.

Quem viver verá.

___________
Adir Castro

José Coruja da Silva disse...

Ah, meu caro Ademir, e quem quer saber de engrandecer o nome de Marabá? Infelizmente, diferentemente de você, do Pedro Gomes e de mais meia dúzia de marabaenses, legítmnos ou adotados, como eu,a grande maioria quer mesmo é saber de se dar bem, olham apenas para o próprio umbigo. Só o que lhes interessa são os interesses pessoais, a projeção política, o enriquecimento rápido. E isso passa pelos nossos governantes, pelas nossos vereadsores, pelos nossos secretários municipais e, também, pelo nosso esporte.
Imitando Bóris Casoy: Tudo aqui é uma vergonha.

Anônimo disse...

Ao anônimo das 1h09: acorda, Alice!

MatheusFernando disse...

VOu a todos os jogos e continuarei indo e torcendo pela vitória do Águia,porém é notavel que boa parte da torcida deixou de prestigiar o Águia por não ter voz ativa no clube,a torcida ja pediu a saída de Galvão dezenas de vezes e nunca foi atendida...
Espero que o Águia consiga passar de fase na copa do Brasil mesmo que eu tenha que aturar o galvão por alguns dias mais...