Pages

sábado, 29 de janeiro de 2011

Não sabe o que quer?

Tião Miranda: Depois dos abraços, a defecção
Como prometido ontem, João Carlos Rodrigues conta hoje na sua coluna "Coisas da Política", no jornal Opinião - que vira diário ainda neste primeiro semestre, segundo uma fonte - a saída de Tião do secretariado de Jatene Pescador. Diz ele:
"O deputado Tião Miranda (PTB) não esquentará mesmo a cadeira de secretário de Obras do Estado. Ele entregou o cargo e só está esperando a definição do substituto para deixar a secretaria. Miranda diz que não teria condições de trabalho e deixa o cargo em paz com o governo. Provavelmente, o deputado Joaquim Passarinho, também do PTB, ocupará o cargo."

8 comentários:

Blogue Marabá 2012 disse...

Só sendo mesmo a falta de condi$$ões de trabalho pra fazer a marca do trabalho recuar.

Com dinheiro no balde, até eu faço muita coisa. Qualquer um faz.

Então o compromisso não é com a causa, e sim com as coi$as.

Anônimo disse...

Discordo da colocação do blogue Marabá 2011, pois, a olhos vistos temos administraores públicos que têm nas mãos muiito R$R$, mas não sabem fazer a máquina funcionar, o dinheiro escorrega pelo ralo....que diga o Maurino e companhia ltda....rsrsr

Anônimo disse...

A noiva da $EOB, não é igual a viuva de maraba,foi por i$$o que o tiao tonelada desistiu, sem grana, como ele vai enriquecer mais, o erário enriqueçe, senão vejamos, não nasceu em berço de ouro,não casou com mulher rica e nem ganhou na loteria, como pode o ex moveleiro ser um dos homens mais ricos dessa terra sem muro.

Anônimo disse...

Parabeniso o Tião, pela escolha de assumir o cargo de fato para qual foi eleito.E acredito que com uma secretaria de obras sucateada o governo cortando gastos, devido a herança maldita do governo anterior, não teria como realizar grandes obras no estado e principalmente em Marabá. Espero que o Asdrubal possa tambem reavaliar seus conceitos.

Anônimo disse...

Grande jogada,

É apenas mais uma do Tião e seu grupo... Ao observar atenciosamente o que aconteceu com a popularidade de Asdrubal Bentes entre os eleitores marabaenses, Tião já desistiu da empleitada de mais uma vez trair o povo marabaense... Só o fato de abrir mão da mamata da ALEPA, cujo o salário de sacretário de estado jamais se aproximaria, já era uma grande loucura do Tião...
Mas tudo isso só me deixa preocupado com uma coisa: Tião realmente quer voltar ao poder executivo de Marabá, e graças ao Maurino e seu grupo de perseguidores, isso pode realmente acontecer...

Esperamos que a sociedade perceba que nenhum desses é bom para Marabá. Não é possível que o povo marabaense acredite que a nossa cidade só possa ser governada por essas pessoas...

Vejo o passado repetir-se no presente: Tião cassado, Maurino prefeito; Maurino cassado, candidato do Tião prefeito.

Ninguém merece...

Quaradouro disse...

Há também o FATOR SALAME, das 11:19. Se o deputado do PPS consegue desvencilhar-se, ao menos por dois meses, da ALEPA, ele assume e desmancha os micros,pequenos, médios e grandes arranjos embutidos na administração desde 1993.
Aí, sem o leitinho das tetas, a coisa fica meio complicada.

Anônimo disse...

É porque na SEVOP do estado ele não pode ser o dono como era dono das SEVOP, SMS, SEFIN. SEMAD, SEMED e outros em Marabá e lá é mais difícil mamar e transformar piçarra em OURO. Aqui, o rei da cocada preta, lá fora um boi de careta. CEBINHO neles.

Anônimo disse...

Desmancha mesmo? Não foram esses "arranjos" que patrocinaram sua campanha de 2008? Ou ele não teve o apoio do Tião Miranda?